Clique aqui para obter uma tradução automática do texto seguinte.
Comunidades locais promovem a redução de resíduos  
O Comité das Regiões Europeu organizou a cerimónia anual de entrega dos prémios da Semana Europeia da Prevenção de Resíduos, no âmbito da Semana Verde de 2019

A Semana Europeia da Prevenção de Resíduos ( SEPR ) distinguiu seis projetos escolhidos como as melhores ações do ano para acabar com os resíduos na UE. Este prémio anual visa reconhecer e incentivar iniciativas de redução de resíduos de todos os intervenientes da sociedade. A SEPR é realizada anualmente em novembro, com milhares de atividades de sensibilização e de limpeza em toda a Europa. A 10.ª edição dos prémios da SEPR destaca o papel central que as comunidades locais desempenham na redução de resíduos. A próxima SEPR terá lugar de 16 a 24 de novembro de 2019.

Na sua alocução de abertura, André van de Nadort (NL-PSE) , membro do Comité das Regiões Europeu, presidente do município de Weststellingwerf e membro do júri da edição deste ano, declarou: «Enquanto membro do júri, estou impressionado com a grande variedade de iniciativas desenvolvidas em toda a Europa e com a grande diversidade de grupos, instituições e coletividades que participam ativamente na prevenção e na redução de resíduos. No Comité das Regiões Europeu e nos nossos municípios, envidamos todos os esforços para aumentar o nível de ambição da legislação em matéria de resíduos na Europa. Contudo, sem o compromisso e o empenho das comunidades locais, não poderemos atingir os nossos objetivos». André van de Nadort (NL-PSE) é o relator do Parecer – Uma Estratégia Europeia para os Plásticos na Economia Circular , adotado em outubro de 2018.

O Comité das Regiões Europeu apoia ativamente a SEPR e os seus prémios, presidindo ao seu comité de pilotagem e prestando apoio às suas principais atividades, como a cerimónia anual de entrega dos prémios.

Os seis projetos galardoados são os seguintes:

1. Categoria «Administrações e organizações públicas»: Maratona Zero Resíduos . Refeições escolares sustentáveis. Projeto executado pelo município de Sant Vicenç de Castellet (Catalunha). O eixo desta ação, que incluiu uma série de eventos, consistiu numa campanha de promoção de refeições escolares sustentáveis e saudáveis em três escolas públicas do município. Foram abrangidos cerca de 600 estudantes e respetivos pais.

2. Categoria «Associações/ONG»: A biblioteca de objetos de Cloughmills , executado pela equipa de ação comunitária de Cloughmills (Irlanda do Norte). O organizador interpretou o conceito de biblioteca de forma diferente: ao emprestar objetos em vez de livros, a equipa quis reforçar a capacidade da comunidade local para realizar tarefas locais e diminuir os resíduos eliminando a necessidade de os residentes adquirirem objetos.

3. Categoria «Empresas/Indústria»: Poluentes emergentes , executado pela Clínica IMQ Zorrotzaurre (País Basco). A fim de reduzir o seu impacto ambiental, esta clínica classificou as substâncias químicas dos produtos utilizados em quatro dos seus departamentos em função dos seus efeitos no ambiente. O passo seguinte será substituir os mais nocivos por alternativas mais sustentáveis.

4. Categoria «Estabelecimento de ensino»: Limpeza ecológica na SEPR , executado pela Escola Nacional de St. Fintan (Irlanda). Cerca de 180 estudantes desta escola, juntamente com os seus pais, participaram em seminários para aprender a fabricar produtos de limpeza e produtos de higiene sem produtos químicos perigosos.

5. Categoria «Cidadãos»: Pesar os biorresíduos em festa , executado por Marina Seder Colomina e Morgane Robert (Les Lilas, Ilha de França). A fim de compreender melhor o impacto positivo de dois pontos de recolha de biorresíduos no seu município, estas residentes incentivaram os depositantes a participarem num estudo sobre a medição da quantidade de resíduos, que também serviu de ocasião para fomentar laços mais fortes na comunidade.

6. Categoria «Prémio Especial Europeu»: Alfabeto artístico sustentável da SEPR , executado pelo Colégio Sant Josep, em Navàs (Catalunha), e por escolas parceiras no âmbito de um projeto de geminação eletrónica, a iniciativa permitiu aos estudantes aprender mais sobre a sustentabilidade e, ao mesmo tempo, desenvolver as suas competências de trabalho em equipa e as suas competências em línguas estrangeiras. O resultado foi um alfabeto, cada letra correspondendo a mensagens importantes sobre o ambiente e a redução de resíduos.

Contexto:

Para mais informações sobre os projetos finalistas e galardoados da SEPR, consulte o dossiê de imprensa completo, disponível aqui .

Em 2018, na sua 10.ª edição, a SEPR elegeu como tema central os resíduos perigosos, sob o lema «É altura de desintoxicar!», e sensibilizou o público para a presença frequentemente escondida de substâncias nocivas em produtos e atividades do quotidiano.

O número de ações realizadas no quadro da SEPR de 2018 atingiu o nível recorde de 14 347, registadas através de 32 coordenadores nacionais, regionais e locais em 30 países e em cooperação com o secretariado da SEPR.

A próxima Semana Europeia da Prevenção de Resíduos terá lugar de 16 a 24 de novembro de 2019 . O tema central será a educação e comunicação sobre resíduos. Para mais informações, clique aqui.

Contactos:

Semana Europeia da Prevenção de Resíduos: Carmen Valache | cv@acrplus.org | +32 (0) 2 234 65 07

Comité das Regiões Europeu: David Crous | david.crous@cor.europa.eu | +32 (0) 470 88 10 37

Share: