Clique aqui para obter uma tradução automática do texto seguinte.
O município de Penela, vencedor do prémio Região Empreendedora Europeia 2023  

O município de Penela (distrito de Coimbra) foi designado uma das três Regiões Empreendedoras Europeias (EER) 2023, a par de Barcelona (Espanha) e a região da Pomerânia Ocidental (Polónia). O Comité das Regiões Europeu (CR) atribuiu este rótulo de excelência aos três territórios europeus que se distinguiram pela promoção de estratégias de empreendedorismo e de crescimento inteligente, tendo simultaneamente em conta os desafios societais. A edição de 2023 do prémio EER é dedicada ao tema «Empreendedorismo e comunidades resilientes».

A indústria europeia, incluindo as pequenas e médias empresas (PMEs), enfrenta crescentes desafios, agravados pelo impacto da pandemia de COVID-19 e pela guerra em curso contra a Ucrânia. Neste contexto, é ainda mais importante utilizar as políticas europeias para reforçar a competitividade das PMEs europeias e aumentar a resiliência da indústria europeia. Através do seu prémio Região Empreendedora Europeia (EER), o CR promove estratégias inteligentes de base local para as PMEs e a indústria, que contribuem para a construção de um futuro sustentável para as regiões e os municípios da UE.

O município de Penela foi galardoado pela sua visão inspiradora aliada ao objetivo ambicioso de se tornar um «laboratório vivo», um conceito com uma especialização inteligente e rural assente num plano que visa desenvolver a inovação, a competitividade e o empreendedorismo. O plano de ação apoiará os agentes económicos locais e as PMEs e basear-se-á nas vantagens territoriais e nos recursos endógenos de Penela, respondendo simultaneamente aos desafios específicos de uma região rural escassamente povoada.

Na cerimónia de atribuição do prémio, o novo presidente do CR, Vasco Alves Cordeiro, deputado à Assembleia Legislativa da Região Autónoma dos Açores, declarou: «Penela é um excelente exemplo de uma comunidade rural que procura retirar o máximo de vantagem das suas caraterísticas endógenas e recursos naturais. Graças à implementação de um plano municipal para a promoção da inovação, competitividade e empreendedorismo rurais, aliado à cooperação com o Instituto Pedro Nunes, a vila de Penela tem registado um progresso notável no seu desenvolvimento social e económico, em linha com a transição verde e digital. Saúdo o Presidente da Câmara, Eduardo Santos, pelo reconhecimento do mérito de Penela, este ano galardoada com o Premio Região Empreendedora Europeia.»

Eduardo Jorge Mendes Nogueira dos Santos, presidente da Câmara Municipal de Penela, afirmou: «Receber esta distinção do Comité das Regiões Europeu é o reconhecimento do empenho do Município de Penela na área da inovação e do empreendedorismo como um caminho essencial para o desenvolvimento de territórios de baixa densidade populacional. Reconhecemos a importância de definir uma estratégia local sustentável, focada na inovação, competitividade e empreendedorismo, alcançada através do Plano Diretor de Inovação, Competitividade e Empreendedorismo (PD-ICE). Isto permitiu criar vantagens competitivas a partir dos fatores diferenciadores do território e estabelecer parcerias estratégicas com foco na agroindústria, florestas, energias limpas, TIC, ambiente, economia circular e bioeconomia, turismo, indústrias criativas e fabricação digital.»

Pode consultar os vídeos sobre as três regiões vencedoras do prémio EER 2023 aqui.

Contexto:

O prémio da Região Empreendedora Europeia (EER) é um projeto que identifica e recompensa todos os anos territórios da UE que revelam uma estratégia política extraordinariamente empreendedora e inovadora, independentemente da sua dimensão, riqueza e competências. Aos territórios que apresentem o plano mais credível, prospetivo e promissor é atribuído o rótulo «Região Empreendedora Europeia» para o ano seguinte. Os candidatos terão de demonstrar verdadeiro empenho político em apoiar as PMEs e reforçar o espírito empresarial através de uma estratégia oficialmente aprovada pela assembleia regional, pelo governo da região ou outros órgãos autorizados.

O rótulo EER foi criado em parceria com a Comissão Europeia e conta com o apoio de muitas partes interessadas a nível europeu como aSMEunited, a Associação das Câmaras de Comércio e Indústria Europeias (Eurochambres), aSocial Economy Europee aAssociação Europeia de Agências de Desenvolvimento Económico (EURADA).

O júri do prémio EER – composto por representantes do CR, da Comissão Europeia, do Parlamento Europeu, dos parceiros sociais e das associações territoriais – acompanhará ao longo de 2023 a execução das estratégias regionais premiadas, com o objetivo de proporcionar aos vencedores uma visão externa objetiva sobre as suas políticas e os progressos realizados nesse ano.

Pode consultar a lista das Regiões Empreendedoras Europeias desde 2011 aqui. Até à data, o rótulo EER foi atribuído a trinta e nove regiões e municípios da UE.

Contacto:

Lauri Ouvinen

Tel.: +32 473536887

lauri.ouvinen@cor.europa.eu

Partilhar: