Clique aqui para obter uma tradução automática do texto seguinte.
A defesa dos valores europeus e da democracia começa ao nível local e regional  

As comunidades locais são essenciais na criação de condições para o desenvolvimento de boas práticas democráticas, através da adoção de um diálogo mais inclusivo, do apoio à participação dos jovens, ou da liderança pelo exemplo, adotando uma política de tolerância zero com o discurso de ódio e discriminação.

​As autoridades locais e regionais têm um papel de extrema importância na promoção da cidadania europeia e dos valores e direitos democráticos: esta é a mensagem principal da reunião da Comissão da Cidadania, Governação e Assuntos Institucionais e Externos (CIVEX) do Comité das Regiões Europeu, realizada em Mafra, Portugal. O encontro reuniu políticos da administração local e regional, membros do Parlamento Europeu e representantes de organizações para a juventude, numa discussão sobre as melhores práticas para integrar os mais jovens no debate público, contribuindo para o combate à desinformação e ao discurso de ódio, tanto no terreno como online. Os contributos da reunião serão incluídos na Carta Europeia para a Juventude e Democracia, uma das ações do Comité das Regiões, em linha com as recomendações apresentadas pela Conferência sobre o Futuro da Europa (COFE) e com os objetivos do Ano Europeu da Juventude.

Hélder Sousa Silva, Presidente da Câmara Municipal de Mafra, membro do Comité das Regiões e anfitrião da presente reunião da CIVEX, sublinhou que “o Município de Mafra é um território com um rico património cultural, com fortes ligações à história da Europa, e que se caracteriza, no presente, pela atratividade demográfica, com uma elevada percentagem de população jovem. Por isso, para nós é uma honra receber este seminário. Fazemos votos que, de Mafra para a Europa, seja possível contribuir para o reforço da identidade europeia, do papel das autoridades locais e regionais e da participação dos cidadãos, em especial dos jovens".

A primeira parte do seminário foi dedicado ao papel da juventude na democracia europeia e à implementação das propostas apresentadas na COFE relativas ao aumento da participação dos cidadãos, em particular dos jovens, nos debates públicos, pelos órgãos de poder local e regional. O Comité das Regiões Europeu, em cooperação com o Fórum Europeu da Juventude, apoia os jovens num exercício de cooperação na elaboração conjunta da Carta Europeia para a Juventude e Democracia, que reúne recomendações sobre a participação jovem nos assuntos de matéria social, política e de cidadania, em todos os níveis de governação. A Carta será concluída até ao final do ano, contendo propostas relacionadas com o empoderamento jovem, liderança e participação política, educação, cooperação, informação, novas tecnologias e digitalização.

Sobre o papel da juventude na democracia europeia, a Eurodeputada Lídia Pereira referiu que “a Europa pode e deve aprender a partir da atual crise, envolvendo cada vez mais os cidadãos e as comunidades nestes assuntos. Todos os cidadãos europeus devem ter algo a dizer sobre o futuro da Europa, mas esta convicção de que as crises são oportunidades para crescer implica o envolvimento dos jovens de uma forma diferenciada. Não existe futuro da Europa se aqueles que devem identificar-se com ela, aqueles que serão os beneficiados dos seus direitos e liberdades, não estiverem envolvidos na sua construção. Isto demonstra a importância e a posição que a juventude deve ocupar na democracia europeia".

Na segunda parte do encontro, relacionada com a proteção dos valores europeus contra a desinformação e o discurso de ódio, os participantes destacaram a importância de ter a juventude em mente quando se trata de implementar medidas de incentivo ao pensamento crítico e à literacia mediática, uma vez que os jovens são utilizadores ávidos de redes sociais, onde a desinformação pode prevalecer. Os oradores debateram igualmente o papel do poder local e regional na construção de um sentimento de confiança entre a comunidade que, através da implementação de campanhas de comunicação adequadas, pode ter um papel-chave na proteção da sociedade geral contra a desinformação. Através do Plano de Ação para a Democracia Europeia, o Comité das Regiões apelou à atribuição de mais recursos às autoridades locais e regionais para que possam melhorar a sua capacidade, conhecimentos e competências no combate à informação falsa.

Dentro da temática da desinformação e da democracia europeia, Carlos Moedas, Presidente da Câmara Municipal de Lisboa, salientou que esta “pode tornar-se extremamente perigosa quando se propaga em tempos de crise como o que estamos agora a viver. A resposta é simples: nós devemos proporcionar. Proporcionar aquilo que é essencial à vida da população. Nós temos de fazer um trabalho verdadeiramente bom em proporcionar uma transição energética justa, uma transição digital humana. E precisamos de resolver os problemas que os nossos cidadãos enfrentam todos os dias: desafios que vão desde a área da saúde às políticas de habitação".

Enzo Bianco, membro do Município de Catânia (Itália) e Presidente da CIVEX, encerrou o seminário referindo a necessidade de “reunir esforços para incentivar a participação de cidadãos de todas as idades no processo democrático, através de medidas inovadoras de promoção da cidadania europeia, aproximando a União Europeia dos seus cidadãos e, assim, criar uma União mais democrática. No entanto, incentivar a democracia participativa não deve ser apenas uma palavra de ordem, temos de contribuir para um envolvimento significativo com medidas concretas, em todos os níveis de governação. O poder local e regional tem provado ser o nível de governo em que os cidadãos mais confiam e desempenham plenamente o seu papel neste esforço".

 

Contactos:

Município de Mafra – Joana Abreu:

Telef.: +351 966 262 613 | e-mail: gab.comunicacao@cm-mafra.pt

 

Comité Europeu das Regiões – Ângela Machado:

Telef.: +351 967 953 519 | e-mail: angela.machado@cor.europa.eu

Partilhar :
 
Notícias relacionadas

1.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/STATEMENT-EARTHQUAKES-TURKIYE-SYRIA.ASPX

2.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/DEFENDING-EU-VALUES-AND-DEMOCRACY-LOCAL-REGIONAL-LEVEL.ASPX

Statement by the President of the European Committee of the Regions on the earthquakes in Türkiye and Syria
Statement by the President of the European Committee of the Regions on the earthquakes in Türkiye and Syria
07.02.2023

1.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/LOCAL-AND-REGIONAL-LEADERS-ENGAGED-FOR-BETTER-EU-LAWS.ASPX

2.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/DEFENDING-EU-VALUES-AND-DEMOCRACY-LOCAL-REGIONAL-LEVEL.ASPX

Local and regional leaders engaged for better EU laws: Anne Karjalainen and Michiel Rijsberman appointed rapporteurs on public procurement and Digital Europe programme
Local and regional leaders engaged for better EU laws: Anne Karjalainen and Michiel Rijsberman appointed rapporteurs on public procurement and Digital Europe programme
31.01.2023

1.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/DIGITAL-RESILIENCE.ASPX

2.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/DEFENDING-EU-VALUES-AND-DEMOCRACY-LOCAL-REGIONAL-LEVEL.ASPX

CoR survey on Digital resilience
CoR survey on Digital resilience
23.01.2023

1.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/MPAA-2023.ASPX

2.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/DEFENDING-EU-VALUES-AND-DEMOCRACY-LOCAL-REGIONAL-LEVEL.ASPX

Michałowo wins Mayor Paweł Adamowicz Award for helping refugees on the border with Belarus
Michałowo wins Mayor Paweł Adamowicz Award for helping refugees on the border with Belarus
13.01.2023

1.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/EUROPCOM-2023-CALL-FOR-PROPOSALS.ASPX

2.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/DEFENDING-EU-VALUES-AND-DEMOCRACY-LOCAL-REGIONAL-LEVEL.ASPX

EuroPCom 2023 - Call for Proposals
EuroPCom 2023 - Call for Proposals
14.12.2022