Clique aqui para obter uma tradução automática do texto seguinte.
Alterações climáticas: líderes locais apoiam a «Greve Mundial pelo Futuro» e defendem uma UE neutra em carbono até 2050  
Durante uma cimeira em Bucareste, os municípios e as regiões manifestaram hoje o seu apoio ao movimento de greves climáticas "Youth for Climate". O Presidente do Governo dos Açores Vasco Alves Cordeiro (PT-PSE) pede mais colaboração e mais ambição para dar resposta as reivindicações do movimento climático global dos jovens

Os municípios e as regiões da UE manifestaram o seu apoio aos protestos da « Greve Mundial pelo Futuro » (Global Strike for Future), que deverá reunir, amanhã, 15 de março , centenas de milhares de jovens em todo o mundo, para exigir medidas mais urgentes de combate ao aquecimento global . Na Cimeira (Re)New EUrope [(Re)Nova(r a) Europa], realizada em Bucareste , os líderes locais e regionais reiteraram o seu apelo à UE para que intensifique os seus esforços, se empenhe em manter o aquecimento global bem abaixo dos 2ºC e se comprometa a alcançar uma Europa neutra em carbono até 2050. Desde agosto de 2018, milhares de estudantes têm-se manifestado nas ruas, em mais de 30 países do mundo, apelando à adoção de medidas suplementares para combater as alterações climáticas. As emissões mundiais de CO 2 atingiram o nível mais elevado de sempre em 2018.

O relatório científico mais recente sobre as alterações climáticas, publicado pelo Painel Intergovernamental sobre as Alterações Climáticas das Nações Unidas, em novembro de 2018 , demonstra que nos restam menos de 20 anos para evitar uma catástrofe climática que torne o aquecimento global incontrolável. Os cientistas alertam que, se as atuais tendências se mantiverem, o aumento das temperaturas a nível mundial aproximar-se-á dos 3 ºC em 2100, deteriorando de forma irreversível a nossa biodiversidade e provocando condições meteorológicas extremas e insuperáveis.

Participando na sessão dedicada ao tema « Construir um futuro sustentável nas regiões e nos municípios da UE », na Cimeira de Bucareste, o membro do CR Vasco Alves Cordeiro (PT-PSE) , presidente da Conferência das Regiões Periféricas Marítimas e presidente do Governo Regional dos Açores, Portugal, declarou: «É necessário que todos nós, a todos os níveis de poder, compreendamos que os desafios climáticos que enfrentamos não são problemas futuros. Trata-se de desafios presentes e reais, cujo impacto já sentimos e que só serão superados se agirmos coletivamente e de forma concertada. É isto que os jovens estão a pedir: que colaboremos hoje para garantir o futuro a que as gerações jovens têm direito. As regiões europeias estão a dar o exemplo, mas é necessário que a UE e os seus parceiros internacionais não diminuam o seu nível de ambição em matéria de clima.»

Aludindo a uma declaração recentemente proferida em Bruxelas pela ativista sueca de 16 anos Greta Thunberg , Karl-Heinz Lambertz, presidente do Comité das Regiões Europeu , declarou: «Os jovens manifestam-se nas ruas com um pedido simples aos líderes mundiais: que respeitem os compromissos climáticos assumidos em Paris. É ao nível local que a luta contra as alterações climáticas será ganha, e os municípios e as regiões têm ido além das ambições nacionais. A UE estabeleceu metas e está a reforçar o investimento, mas estes esforços ainda ficam aquém do necessário: é preciso ir mais além para que as regiões e os municípios possam fazer a transição, criar empregos verdes, tornar-se energeticamente eficientes e reduzir as emissões. Os estudos científicos são sem apelo e os jovens já fizeram o seu trabalho de casa. Agora, cabe-nos a nós proteger o planeta e o seu futuro, razão pela qual exigimos uma Europa neutra em carbono até 2050.»

Na sua intervenção durante a cimeira, que contou com a presença de 150 jovens políticos eleitos a nível local e reuniu o maior número de políticos regionais e locais da UE desde a COP 21 em Paris, o primeiro vice-presidente do Comité das Regiões Europeu, Markku Markkula , afirmou: «Ninguém conseguirá combater as alterações climáticas sozinho. Todos nós temos de agir e contribuir. A única forma de o conseguir é se todos os níveis de governo cooperarem com a indústria e as empresas, libertando o potencial da inovação de alta qualidade. Temos de integrar os objetivos de desenvolvimento sustentável das Nações Unidas nas diferentes políticas. Mas não bastam palavras, é preciso investimento! A UE e os fundos públicos podem ajudar a cofinanciar a transição para as energias limpas, mas, acima de tudo, é necessário criar um ambiente propício a nível local para que as empresas possam prosperar.»

As emissões mundiais de CO 2 atingiram o nível mais elevado de sempre em 2018. Esta situação levou Greta Thunberg a lançar o movimento mundial Youth for Climate [Juventude pelo Clima], que incentivou os alunos de todo o planeta a protestar todas as semanas, exigindo mais medidas em matéria de alterações climáticas.

Na sua intervenção em Bucareste, Magnus Berntsson , presidente da Assembleia das Regiões da Europa e da R20 – Regions for Climate Action e vice-presidente do Conselho Regional de Västra Götaland, Suécia, afirmou: «Os governos regionais e locais da Europa e de todo o mundo subscrevem plenamente o Acordo de Paris e apelam à adoção de medidas ambiciosas em matéria de clima. Somos parte da solução. Nas nossas comunidades locais, compreendemos as necessidades dos nossos cidadãos e unimos esforços com as empresas e o meio académico locais, a fim de gerar um crescimento e empregos verdes para substituir o que se perde na transição. Se trabalharmos em conjunto e partilharmos bons exemplos, triunfaremos. É isto que a geração mais jovem nos pede.»

Nota às redações:

A Cimeira Re(New) EUrope encerrará com a adoção de uma declaração dos líderes regionais e locais intitulada «Construir a UE a partir das bases com as nossas regiões e os nossos municípios» . A declaração, que será entregue formalmente ao presidente da Roménia, Klaus Iohannis , constitui a posição oficial das regiões e dos municípios apresentada aos dirigentes das instituições da UE e chefes de Estado e de governo, que se reunirão em Sibiu, na Roménia, em 9 de maio , para debater o futuro da UE27.

A par da governação e da democracia, da coesão e do impacto do Brexit nas economias regionais, a Cimeira de Bucareste colocou o desenvolvimento sustentável no topo da agenda, numa sessão consagrada às ações em prol do clima desenvolvidas no terreno pelos municípios e as regiões. Clique aqui para descobrir algumas das iniciativas no domínio da sustentabilidade que os municípios e as regiões da UE estão atualmente a implementar.

A ação das regiões e dos municípios em matéria de alterações climáticas

A transição energética da Europa e a descarbonização da economia são uma prioridade absoluta para os municípios e as regiões da UE. O Comité das Regiões Europeu – a assembleia da UE composta por 350 políticos eleitos a nível local e regional – está atualmente a elaborar dois pareceres formais para promover a consecução dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável na Europa. Na sua próxima reunião plenária, em 26 e 27 de junho, a assembleia da UE dos representantes locais e regionais deverá adotar um parecer sobre a estratégia da UE para um impacto neutro no clima , publicada pela Comissão Europeia em novembro de 2018 .

Comunicados de imprensa do CR sobre as alterações climáticas:

COP 24: Municípios e regiões continuarão a insistir na necessidade de objetivos mais ambiciosos em prol do clima (18.12.2018)

COP 24: municípios e regiões reclamam papel formal no Acordo de Paris (13.12.2018)

Pode contar connosco! – Prefácio pelo presidente do Comité das Regiões Europeu, Karl-Heinz Lambertz, e pelo primeiro vice-presidente do Comité das Regiões Europeu, Markku Markkula), (28.11.2018)

Prontos para a COP 24? (15.11.2018)

Local governments take climate ambition to the next level [Elevar as ambições climáticas dos governos locais] (19.9.2018)

Alterações climáticas: são precisas mais ambição e uma nova governação para implementar o Acordo de Paris (6.7.2018)

Photos of "(Re)New Europe - 8th European Summit of Regions and Cities" are available here .

Contacto:
David Crous | david.crous@cor.europa.eu | +32 (0)470 88 10 37

Partilhar :
 
Notícias relacionadas

1.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/SMES-HOUSEHOLD-ENERGY-CRISIS.ASPX

2.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/CLIMATE-CHANGE-LOCAL-LEADERS-BACK-GLOBAL-STRIKE-FOR-FUTURE.ASPX

Poder local e regional, PME e agregados familiares da UE precisam de apoio específico dos fundos de emergência da UE para inverterem crise energética
Poder local e regional, PME e agregados familiares da UE precisam de apoio específico dos fundos de emergência da UE para inverterem crise energética
01.12.2022

1.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/CIRCULAR-TRANSITION-TEXTILES-CLOTHING-LEATHER-FOOTWEAR-INDUSTRY-.ASPX

2.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/CLIMATE-CHANGE-LOCAL-LEADERS-BACK-GLOBAL-STRIKE-FOR-FUTURE.ASPX

EU local and regional authorities push for circular transition of the textiles, clothing, leather and footwear industry
EU local and regional authorities push for circular transition of the textiles, clothing, leather and footwear industry
30.11.2022

1.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/FOOD-CRISIS-EU-REGIONAL.ASPX

2.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/CLIMATE-CHANGE-LOCAL-LEADERS-BACK-GLOBAL-STRIKE-FOR-FUTURE.ASPX

Crise alimentar: dirigentes regionais e locais da UE apelam ao investimento na produção local em prol de alimentos sustentáveis e a preços acessíveis
Crise alimentar: dirigentes regionais e locais da UE apelam ao investimento na produção local em prol de alimentos sustentáveis e a preços acessíveis
30.11.2022

1.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/NAT-22112022.ASPX

2.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/CLIMATE-CHANGE-LOCAL-LEADERS-BACK-GLOBAL-STRIKE-FOR-FUTURE.ASPX

Low carbon agriculture, Health Data Space and pesticides on the agenda of the CoR NAT meeting
Low carbon agriculture, Health Data Space and pesticides on the agenda of the CoR NAT meeting
22.11.2022

1.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/COP27-CLOSING-PLENARY.ASPX

2.HTTPS://COR.EUROPA.EU/PT/NEWS/PAGES/CLIMATE-CHANGE-LOCAL-LEADERS-BACK-GLOBAL-STRIKE-FOR-FUTURE.ASPX

COP27: European Committee of the Regions address at closing plenary
COP27: European Committee of the Regions address at closing plenary
21.11.2022